"Tenho consciência de ser autêntica e procuro superar todos os dias minha própria personalidade, despedaçando dentro de mim tudo que é velho e morto, pois lutar é a palavra vibrante que levanta os fracos e determina os fortes.
O importante é semear, produzir milhões de sorrisos de solidariedade e amizade. Procuro semear otimismo e plantar sementes de paz e justiça. Digo o que penso, com esperança. Penso no que faço, com fé. Faço o que devo fazer, com amor. Eu me esforço para ser cada dia melhor, pois bondade também se aprende!"

|Cora Coralina|


domingo, 3 de julho de 2011

Eu?Eu sou abstrata.

Eu escrevo,porque gosto.Porque me faz bem escrever.Escrevo pra aliviar a alma.Escrevo,porque encontro nas letras,conforto,afago.Escrevo,porque quero ejetar,todo tipo de sentimento reprimido.Escrever,é um ato de liberdade,de exalar tudo o que sufoca e deixa a boca amarga.Escrevo,porque dentro de mim,tem um mundo indagativo,um mundo curioso e fantasioso.Escrevo,porque sou sensível demais e as vezes,até choro sem razão.
Escrever,é mergulhar dentro de um oceano límpido,se afogar e permanecer vivo.Escrevo,o que não posso falar.Escrevo,pra entender o que sinto.Pra costurar meus sentimentos e assim,escrevo.Remendo.
Escrevo,porque escrevendo,não me sinto diferente.Confesso que sou,dramática,desligada,um pouco preguiçosa,meio impulsiva e escrever,é uma terapia.Acredito que muitos,escrevem pelos mesmos motivos que eu.As vezes,quero escrever tanta coisa,que me perco,entre-as-linhas.Me perco nos pensamentos.Cá, entre nós,escrever faz um bem danado,né?!

Meu mundo,é real.Minhas fantasias também.Eu?Eu sou abstrata.Sou uma espécie de ser extra-terrestre.Sou um ser perdido,entre mundos distantes e que de,vez enquanto,vem passear,por entre,os terrestres.Sou um poço de sonhos.Daqueles bem fundos.Meu travesseiro,já ficou pequeno demais pra mim.Sou um foco de luz,na imensidão.Sou um pedaço de algodão,querendo ser doce.Sou um filme em preto e branco.Sou cinema mudo.Sou viciada em vírgulas.Sou um exagero.Sou eternamente apaixonada,pelo quê,não sei.Sou a garota sentada embaixo da árvore,lendo um livro.Sou uma mulher ambiciosa,querendo sucesso.Sou uma moleca,correndo pelos cantos e fazendo traquinagens.Sou aquela personagem de comédia romântica: Atrapalhada,desengonçada,bonita,sozinha,estranha e mesmo assim,ainda tem um bonitão esbarrando nela .Ta aí,sou quase uma,Bridget Jones.


E você,que acabou de ler este texto,transbordando insanidade e um pouco de incoerência.Também,se sente assim?Também escreve por algum desses motivos e adora ver Bridget,quando está deprê?Se você,fosse personagem de algum filme,qual seria?
Curiosa,né?Mesmo que não tenha respondido nos comentários,aposto que respondeu todas as perguntas.Sabe,porque?!Porque,somos seres curiosos.Seres sonhadores.Seres românticos,que adoram uma fantasia e se tivessem super poderes,iriam tornar todos realidade.
Acertei?!
Criei um mundo,onde faço questão,de me dispersar da realidade.

Hoje,assino como Amanda(quem realmente sou),mas amanhã,serei novamente a 'Claire' do Meu mundo e nada mais.

Nem tudo,é razão.Nem tudo é coerência.Nem tudo,é em vão.
Leve a vida,mais leve.Pois,sinto muito em dizer,mas a vida é breve.
(Abraços de uma insana)
Amanda R.


11 comentários:

  1. Gostei dessa frase: "Sou um pedaço de algodão querendo ser doce..."

    Me sinto exatamente desse jeito ai do texto, uma completa extraterrestre...rs

    Vou te mandar um email de novo...rs
    As coisas mudam muito rápido, mas tô me adaptando bem até...Isso é bom! :)

    Tenha um ótimo dia!
    Beijo e até mais!
    *--*

    ResponderExcluir
  2. ADOREI seu blog! Adorei os textos, a música (amo "O Teatro Mágico"), tudo! E quando a esse texto, me identifiquei muito! Ontem fiquei até 5h da manhã escrevendo sobre ideias que iam e vinham na minha mente. To sempre escrevendo, coloco tudo no papel. Eu brinco que eu emagreço uns 2 Kg "espirituais" quando eu escrevo! hauhauhaua. Também adoro Brigdet Jones e eu também "Criei um mundo,onde faço questão,de me dispersar da realidade." PERFEITO! Parabéns!
    estou te seguindooo! :)
    beijos,
    Raquel
    http://jornalkell.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Que encanto!
    Texto super interessante, acho que sou uma abstrata tentando assim como você dispersar a realidade.

    "Sou um ser perdido, entre mundos distantes e que de, vez enquanto,vem passear,por entre,os terrestres.Sou um poço de sonhos.Daqueles bem fundos.Meu travesseiro, já ficou pequeno demais pra mim.Sou um foco de luz, na imensidão.Sou um pedaço de algodão,querendo ser doce."

    Tão lindo, Claire, Amanda, rs
    Mas tão lindo que queria postá-lo, se você permitir, é claro. Sempre dou os créditos.

    Beeijo meu*

    Obrigada pelos desejos de melhoras!
    Voltei^.^

    ResponderExcluir
  4. Belas palavras!
    Oii
    passei por aqui para avisar que tem um selo no meu blog para você, é o selinho oficial do meu blog:
    http://asoonhadora.blogspot.com/p/selinho-oficial.html
    Bom espero que goste!
    Deus abençoe

    ResponderExcluir
  5. adorei... escreve maravilhosamente bem...
    todo mundo que tem um blog qr gritar de alguma maneira...rs...
    beijooo

    ResponderExcluir
  6. Claire, querida!
    Obrigada! Em breve postarei essas doces palavras.

    beeijo*

    ResponderExcluir
  7. Estou passando aqui pra fazer uma visita :]
    gostei muito do #blog, volto aqui sempre que puder visita o meu blog, ou comenta :} eu sigo de volta, seja bem vindo (a) : http://carlosyurii.blogspot.com/ *--*

    ResponderExcluir
  8. Claire, vim do blog da Nat Rocha e me encantei com tudo aqui! Que doçura de blog!

    Saio daqui levando suspiros!

    Sigo-te feliz!

    =]

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  9. Claire, querida!
    Passando pra dizer que o post do dia 07 de julho foi teu e foi lindo!

    beeijo querida!

    bom fds!

    ResponderExcluir
  10. Aquii é tão "ALMA" ...
    Ameei, tudoo lindoo!

    ResponderExcluir

Palavra chave:
-Verbalize,seu sentimento.
Solte o verbo.Exponha a palavra,que se tem na alma.
Volte,quando achar que deve voltar.
[Claire.]

Claire Mabelle.

Sentada em casa a tardinha,sinto o vento tocando nas folhas das árvores,ouço o canto dos pássaros,o barulho do mar,vejo borboletas felizes a voar.

Danni Carlos'

Eu moro num cenário

Do lado imaginário

Eu entro e saio sempre quando eu tô afim.