"Tenho consciência de ser autêntica e procuro superar todos os dias minha própria personalidade, despedaçando dentro de mim tudo que é velho e morto, pois lutar é a palavra vibrante que levanta os fracos e determina os fortes.
O importante é semear, produzir milhões de sorrisos de solidariedade e amizade. Procuro semear otimismo e plantar sementes de paz e justiça. Digo o que penso, com esperança. Penso no que faço, com fé. Faço o que devo fazer, com amor. Eu me esforço para ser cada dia melhor, pois bondade também se aprende!"

|Cora Coralina|


domingo, 31 de julho de 2011

Ao escrever,é como se eu  estivesse me olhando no espelho.
Consigo enxergar,quem sou.O que sinto.Escrever,é algo do qual já não consigo viver sem.Me completa.Me acolhe.É mais do que eu,um papel e a caneta.Nessa hora,me sinto parte do papel,me sinto como se fosse a tinta da caneta escorrendo pela folha,deixando as marcas do que sinto,ali gravado.

 |Claire|


''Estou me transformando aos poucos num ser humano meio viciado em solidão. E que só sabe escrever. Não sei mais falar, abraçar, dar beijos, dizer coisas aparentemente simples como “eu gosto de você”. Gosto de mim. Acho que é o destino dos escritores. E tenho pensado que, mais do que qualquer outra coisa, sou um escritor. Uma pessoa que escreve sobre a vida – como quem olha de uma janela – mas não consegue vivê-la.''
Caio Fernando Abreu.

 Ps:Me sinto assim.Não sei se é triste ou não.Mas hoje,nesse instante,é assim que me vejo.Talvez,um pouco pior.


quinta-feira, 28 de julho de 2011

É chegada a hora do Parabéns!

Dia 21 de Julho de 2010,dia em que publiquei meu primeiro post.Era só eu e meu mundo,ainda não haviam habitantes nem turistas.As pessoas olhavam e iam.A partir desse dia,me encontrei.Encontrei meu cantinho no mundo.Me expus.Me joguei.Andei de olhos vendados.
Aqui,despejei meus sentimentos.
Aqui,falo tudo o que quero,sem julgamentos.Porque aqui,por algum motivo,há pessoas como eu.Pessoas com  o mesmo objetivo.De vomitar,tudo o que não desce pela garganta.
O blog me fez crescer.Me deu uma nova ideia do mundo.As pessoas adoráveis que caminham por aqui,me ajudaram.Me deram forças mesmo sem saber.Aqui,me recuperei.Me renovei.Quantas vezes,já escrevi chorando?.Quantas,sorrindo e pensando que talvez,o que eu escrevi,pudesse ajudar alguém de alguma forma?-Muitas.E aconteceu.Sei de gente,que já se emocionou lendo meus textos,e isso me deixa contente.
Aqui,me sinto bem.Me sinto livre.Aqui tenho asas e posso voar.
Hoje,gostaria de agradecer pelo carinho de todos,que vivem e caminham por esse meu mundo.
Obrigada por fazerem parte do Meu mundo e nada mais.


É chegada a hora do parabéns.
Cantemos por um mundo melhor e sem hipocrisias.Cantemos pelas crianças na rua e as que morrem de fome na África.Cantemos,pra Papai do céu,nos proteger e olhar pelas pessoas que moram na rua.Cantemos pelos cachorrinhos desabrigados.Cantemos,não pelo fim da violência,mas pelo inicio da paz.Cantemos,hoje,amanha e sempre.Parabéns pra mim,pra você,pra nós.Parabéns porque somos únicos.Porque temos coragem de dizer o que pensamos e sentimos.Parabéns por sermos seres bons.Parabéns porque sem saber,ajudamos uns aos outros.Nos damos coragem,nos abraçamos sem nos conhecer.
Parabéns!

Agora,fecho os olhos,assopro a vela e faço um desejo.

Desejo,muito amor,muita paz.E desejo,esperança.Fé.Humildade.Desejo,um futuro feliz,mesmo que não seja, o que planejei,mas que seja feliz.Desejo,pessoas melhores.Desejo,coisas boas.Desejo,muitas cócegas na barriga de um bebe,que é pra ele soltar varias bolhas de felicidade.
Que encontremos um poço bem fundo,cheio de sonhos.Que todo dia tomemos um copo d'agua de bondade.Que mesmo sozinhos,tenhamos um lugar pra chorar.Que os desejos,se tornem reais.
Amém.
Jamais,deixemos de agradecer,a dor,a alegria,a vida.O amor.Agradeça,pois tudo é Divino.Tudo,é ensinamento.

|Claire|

''Pensava que escrevia por timidez, por não saber falar, pelas dificuldades de encarar a verdade enquanto ardia, arvorava, arfava. Há muitos que ainda acreditam que começaram a escrever pela covardia de abrir a boca. Nas cartas de amor, por exemplo, eu me declarava para quem gostava pelo papel, e não pela pele, ainda que o caderno seja pele de um figo. O figo, assim como a literatura, é descascado com as unhas, dispensando facas e canivetes. Não sei descascar laranjas e olhos com as unhas, e sim com os dentes. Com as mãos, sei descascar a boca do figo e o figo da boca, mais nada. Acreditei mesmo que escrever era uma fuga, pedra ignorada, silêncio espalhado, um subterfúgio, que não estava assumindo uma atitude e buscava me esconder, me retrair, me diminuir. Mas não. Escrever é queimar o papel de qualquer forma. Desde o princípio, foi a maior coragem, nunca uma desistência, nunca um recuo, e sim avanço e aceitação. Deixar de falar de si para falar como se fosse o outro. Deixar a solidão da voz para fazer letra acompanhada, emendada, uma dependendo da próxima garfada para alongar a respiração. Baixa-se o rosto para levantar o verbo. É necessário mais coragem para escrever do que falar, porque a escrita não depende só de ti. Nasce no momento em que será lida.''

|Fabrício Carpinejar|



domingo, 24 de julho de 2011

Acredito,acredito. (extensão)

Senti uma vontade danada,de acreditar.Na vida,no ser humano.No mundo.No amor e na beleza do voo das borboletas.Resolvi,não desistir de sonhar.Não desistir de amar.De lutar e correr atrás do que almejo.Decidi,ser feliz.Ser uma pessoa melhor.Aprendi,que se a gente acredita,tudo pode acontecer.Aprendi,que a vida,é mágica.É um conto de fadas.Temos bruxas e dragões.Príncipes e princesas.Temos amor.Por mas que ele esteja em extinção,temos amor.E se acreditarmos nisso,sempre o teremos e,em número maior,porque amor,nunca é demais.Decidi,que sou assim mesmo.Sou louca.Uma romântica,no sentido da palavra.Sou apaixonada pela vida e,sempre acho que tudo vai dar certo.Porque eu acredito.
Tudo pode acontecer,quando se crer.
Acredito,em mim mesmo que ninguém acredite.Acredito que julgamentos são hipócritas.Que ainda há pessoas boas no mundo.E são essas que fazem a diferença.Acredito,que viver no imaginário,também,é uma forma de se viver.
Acredito no poder das palavras e na força que tenho dentro de mim.Porque sou energia,sou luz e,tenho uma força de atração muito forte.
Acredito,na força do pensamento.Nas minhas orações.
Acredito,que amanhã,é outro dia,mesmo que nada mude.Mas amanhã,é sempre outro dia.Acredito,que a gargalhada de uma criança,revitaliza a alma.Acredito,que o palhaço,não é tão feliz quanto parece,porque ele também é gente e como gente,ele sofre.
Desculpe,se acredito demais.Mas é que sou assim.Uma crédula em demasia.

|Claire|


Acredito,que no universo,há mais do que podemos imaginar ou ver.Acredito,no desconhecido.Nas forças espirituais.Acredito,em anjo,céu e inferno.Acredito,que se alguém se matar,é pra lá que vai.Acredito,em tudo que não posso ver,mas posso sentir.Por isso,acredito no amor.Acredito,em almas idênticas,esperando se encontrar,algum dia.Acredito,que mesmo uma completando a outra,elas talvez,não fiquem juntas pra sempre.Acredito,num destino justo e implacável.Acredito,em um mundo melhor.Acredito,na paz.Acredito,nas estrelas e acredito,em mula sem cabeça e saci pererê.Acredito,na pureza de uma criança.Acredito,que ele está feliz com ela,mas estaria melhor comigo.Acredito,em fadas.Acredito,acredito.Acredito,que se fecharmos os olhos e,pensar em alguém,esse alguém irá pensar em nós.Acredito,que o mundo dá voltas e, que dor de barriga,não dá uma vez só.(Se é,que me entende).Acredito,que amigos,são pra sempre e que dinheiro não traz felicidade,mas se felicidade,pra você são bens materiais,então,acredito que ele a compre.Acredito,que há pessoas más e que não cabe a nós julgá-las.Acredito,que pessoas mudam,com o passar do tempo.Acredito,em mim.No que sou.Acredito,que um dia,encontrarei meu caminho.Acredito,que apesar do pesares,vale à pena amar.Acredito,que Deus,tem um plano,para todos nós.Acredito,que no fim do arco-íris,tem um pote de ouro.Acredito,que tudo que vem fácil,vai fácil.Acredito,que a esperança,é a última que morre,e que a última flor a desabrochar,será a mais bela de todas.Acredito,que ninguém é normal e eu sou menos ainda.Acredito,em coisas bobas e no impossível,se tornar possível,porque de tudo vale,pra se alcançar um sonho,por mais distante que ele pareça estar.Só não acredito,quando dizem que não tem jeito.Pois,acredito que pra tudo,da-se um jeito.Acredito,que no amor e na guerra vale tudo.E pra se conseguir algo,você tem que lutar.

Claire Mabelle.

sábado, 23 de julho de 2011

Se o amor supera tudo,creio,que ainda falte amor,neste mundo.

|Claire|

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Bons amigos'

Abençoados os que possuem amigos, os que os têm sem pedir.
Porque amigo não se pede, não se compra, nem se vende.
Amigo a gente sente!

Benditos os que sofrem por amigos, os que falam com o olhar.
Porque amigo não se cala, não questiona, nem se rende.
Amigo a gente entende!

Benditos os que guardam amigos, os que entregam o ombro pra chorar.
Porque amigo sofre e chora.
Amigo não tem hora pra consolar!

Benditos sejam os amigos que acreditam na tua verdade ou te apontam a realidade.
Porque amigo é a direção.
Amigo é a base quando falta o chão!

Benditos sejam todos os amigos de raízes, verdadeiros.
Porque amigos são herdeiros da real sagacidade.
Ter amigos é a melhor cumplicidade!

Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinho,
Há outras que sorriem por saber que os espinhos têm rosas!

[Machado de Assis.]

A amizade,é um sentimento que nunca morre.Independente,do tempo,da distância..Não importa a ponte que os separa,o que importa,é a ponte que os une.A ponte do amor.
Gostaria de deixar aqui,um pouco do amor,que tenho pelos meus amigos,que estão distantes de mim,que já não falo há muito tempo,mas que sempre estão presente em meus pensamentos.Eles permanecem junto das lembranças boas.Da velha infância.
O que importa,é a marca que deixamos uns nos outros.A marca do bem,do carinho.Sei que os deixei essa marca,assim,como deixaram em mim.
Amizade,é sinonimo de cumplicidade.É apoio,loucura,gratidão,brigas que terminam em um abraço.Gargalhadas,na madrugada.Broncas e opniões.
Sempre tive mais amigos,do que amigas.Me orgulho muito disso.Meus amigos,são meus irmãos.Sei que com eles posso contar sempre.Posso gritar,xingar,que eles irão entender,porque amigo,é isso.
É ,na alegria e na tristeza,na ressaca e na curtição.
Que a  ponte,que me une aos meus amigos,esteja sempre de pé.Que o amor,sempre nos una e nos faça sempre mais amigos.Cúmplices.
Aos meus amigos,mais amores.
Aos meus amigos,mais amigos.
Mais alegrias,menos temores.

Aos meus amigos do blog,um muito obrigada por cada carinho.Obrigada por cada palavra amiga.
Obrigada,por fazer parte desse meu outro mundo.Obrigada,porque vocês me ajudam muito,com palavras doces e ternas.

Que os nossos dias se encham de luz.
Que cada um dos meus amigos,sejam uma estrela no céu,
e que lá de cima ,eles possam sorrir pra mim,sempre que eu precisar.
Que eu sempre tenha carinho o suficiente pra cada um deles.
Que sejam poucos,mas sejam verdadeiros.
Que sejam eternos.Como o amor de Deus.
Que os anjos os abençoe e os traga muita felicidade.
Que a tal da amizade,jamais morra.
E,cresça,cresça,como uma criança,levada e brincalhona.
Esses,são os meus votos,para todos aqueles que me cercam de carinho,e todos os que possuo em minhas memórias e coração.
Obrigada por esse laço,chamado amizade.

[Claire]




    

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Todas as noites,volto a minha cabeça e o meu olhar para o céu.Contemplo as estrelas,que brilham lá do alto.E se algum dia,por ventura,eu não olhar mas lá pra cima,pra observar essas nebulosas,que nos inspiram e nos encharcam de esperança,é porque estou lá de cima,contemplando aqui em baixo.

[Claire]

terça-feira, 12 de julho de 2011

"Você encontra milhares de pessoas e nenhuma delas te tocam, e então encontra uma pessoa, e sua vida muda. Pra sempre."




"Eu me preocupava bastante com o que queria ser quando crescesse, quanto ganharia ou se me tornaria alguém importante. Às vezes, as coisas que você mais quer, não acontecem. E às vezes, 
as coisas que jamais esperaria, acontecem."


[Amor & outras drogas]

Tô me sentindo assim.A vida,é um saquinho de surpresas.Nunca se sabe,o que pode sair de lá.
Não adianta,só planejar,tem que viver.Tudo pode mudar a qualquer instante.Fato

[Claire]

domingo, 10 de julho de 2011

Que país é esse?

Todos somos seres diferentes.Ninguém é igual a ninguém.Fato.O mundo,anda muito hipócrita.O Brasil,anda muito equivocado.A cabeça de algumas pessoas,andam muito sujas.Os corações,de certas gentes andam muito empedrados.O amor,é lindo.Puro.É um sentimento,que não julga.Que perdoa,compreende.Não é preciso ser homem e mulher,pra amar,pra querer passar o resto da vida juntos.Não precisa ser um casal hétero pra constituir,uma família.É preciso amor.E isso,qualquer ser humano é capaz de ter,de sentir.
Não julgue o seu próximo,por ele ser homossexual.Homem ou mulher,gays ou não,todos tem o direito de beijar,dar as mãos,fazer juras de amor,querer uma família.
Chega gente,de tanto preconceito.Basta de tanta falta de respeito.Não é nojento.É amor.Não é ''boiolice''.É amor.Não é perversão.CARAMBA,é amor.Grito bem alto,é amor.Porra!Como diz uma sábia guerreira,Madre Teresa de Calcutá:''Quem julga,não tem tempo pra amar''


Vamos pedir piedade
Senhor, piedade
Pra essa gente careta e covarde
Vamos pedir piedade
Senhor, piedade
Lhes dê grandeza e um pouco de coragem
[Cazuza]

Que país é esse cara?!Que merda de país,é esse onda há tanta falta de respeito?Porque,não fica cada um na sua tribo e deixa a dos outros em paz?Porque,esses pitboys,saem na rua pra fazer maldades?Que grandes covardes.Pra mim,todo gay,é mais Homem que muito ''homem''por aí.
Tô de saco cheio,de tanta palhaçada.Esse país,é um grande circo.

[Claire Mabelle]

domingo, 3 de julho de 2011

Eu?Eu sou abstrata.

Eu escrevo,porque gosto.Porque me faz bem escrever.Escrevo pra aliviar a alma.Escrevo,porque encontro nas letras,conforto,afago.Escrevo,porque quero ejetar,todo tipo de sentimento reprimido.Escrever,é um ato de liberdade,de exalar tudo o que sufoca e deixa a boca amarga.Escrevo,porque dentro de mim,tem um mundo indagativo,um mundo curioso e fantasioso.Escrevo,porque sou sensível demais e as vezes,até choro sem razão.
Escrever,é mergulhar dentro de um oceano límpido,se afogar e permanecer vivo.Escrevo,o que não posso falar.Escrevo,pra entender o que sinto.Pra costurar meus sentimentos e assim,escrevo.Remendo.
Escrevo,porque escrevendo,não me sinto diferente.Confesso que sou,dramática,desligada,um pouco preguiçosa,meio impulsiva e escrever,é uma terapia.Acredito que muitos,escrevem pelos mesmos motivos que eu.As vezes,quero escrever tanta coisa,que me perco,entre-as-linhas.Me perco nos pensamentos.Cá, entre nós,escrever faz um bem danado,né?!

Meu mundo,é real.Minhas fantasias também.Eu?Eu sou abstrata.Sou uma espécie de ser extra-terrestre.Sou um ser perdido,entre mundos distantes e que de,vez enquanto,vem passear,por entre,os terrestres.Sou um poço de sonhos.Daqueles bem fundos.Meu travesseiro,já ficou pequeno demais pra mim.Sou um foco de luz,na imensidão.Sou um pedaço de algodão,querendo ser doce.Sou um filme em preto e branco.Sou cinema mudo.Sou viciada em vírgulas.Sou um exagero.Sou eternamente apaixonada,pelo quê,não sei.Sou a garota sentada embaixo da árvore,lendo um livro.Sou uma mulher ambiciosa,querendo sucesso.Sou uma moleca,correndo pelos cantos e fazendo traquinagens.Sou aquela personagem de comédia romântica: Atrapalhada,desengonçada,bonita,sozinha,estranha e mesmo assim,ainda tem um bonitão esbarrando nela .Ta aí,sou quase uma,Bridget Jones.


E você,que acabou de ler este texto,transbordando insanidade e um pouco de incoerência.Também,se sente assim?Também escreve por algum desses motivos e adora ver Bridget,quando está deprê?Se você,fosse personagem de algum filme,qual seria?
Curiosa,né?Mesmo que não tenha respondido nos comentários,aposto que respondeu todas as perguntas.Sabe,porque?!Porque,somos seres curiosos.Seres sonhadores.Seres românticos,que adoram uma fantasia e se tivessem super poderes,iriam tornar todos realidade.
Acertei?!
Criei um mundo,onde faço questão,de me dispersar da realidade.

Hoje,assino como Amanda(quem realmente sou),mas amanhã,serei novamente a 'Claire' do Meu mundo e nada mais.

Nem tudo,é razão.Nem tudo é coerência.Nem tudo,é em vão.
Leve a vida,mais leve.Pois,sinto muito em dizer,mas a vida é breve.
(Abraços de uma insana)
Amanda R.


Claire Mabelle.

Sentada em casa a tardinha,sinto o vento tocando nas folhas das árvores,ouço o canto dos pássaros,o barulho do mar,vejo borboletas felizes a voar.

Danni Carlos'

Eu moro num cenário

Do lado imaginário

Eu entro e saio sempre quando eu tô afim.