"Tenho consciência de ser autêntica e procuro superar todos os dias minha própria personalidade, despedaçando dentro de mim tudo que é velho e morto, pois lutar é a palavra vibrante que levanta os fracos e determina os fortes.
O importante é semear, produzir milhões de sorrisos de solidariedade e amizade. Procuro semear otimismo e plantar sementes de paz e justiça. Digo o que penso, com esperança. Penso no que faço, com fé. Faço o que devo fazer, com amor. Eu me esforço para ser cada dia melhor, pois bondade também se aprende!"

|Cora Coralina|


quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

"O amor-próprio dos tolos desculpa o das pessoas inteligentes, mas não o justifica." (Duque de Lévis)

A todo tempo,me pego questionando algo ou dando respostas aquilo que me interroga.
E por esses dias,'pintou' o assunto amor próprio. E fiquei a me  indagar.O que é amor próprio?!Fui deitar pensando nisto,e de repente me veio á cabeça a palavra 'ego',que se assemelha a palavra egoísmo:exclusivamente amor por si próprio,sem revelar os interesses alheios.Sendo assim,conclui que,amor próprio,nada mas é,do que um ego enorme.Ou seja,pra ter amor a si,é preciso pensar mais em você,do que nos outros.É se achar sempre melhor.Aí,me perguntei,se a pessoa não tiver ego' ela não tem amor próprio?Então,amor próprio,é nunca deixar que nos firam?É uma espécie de 'armadura',tipo''amo mais a mim,pra não deixar que outros me machuquem e sejam tiranos,para comigo.
Isso não existe.É impossível.Ser ferido,faz parte da vida.É assim,que aprendemos a acertar e ser uma pessoa melhor.Desde pequeninos,só aprendemos a não colocar o dedo na tomada,depois que levamos um choque e choramos.
Um dia,encontraremos alguém,que nos fará amar mais à ele do que a nós.Fato.
Eu não digo,que tenho ego.Porque não,é assim que me vejo.Digo que sou orgulhosa.Pra certas pessoas,pode ser a mesma coisa que ter ego,mas não pra mim.Não é culpa minha ou de fulano por eu ser assim.Ninguém se torna soberbo,porque gosta,já nasce assim.Não vejo como um defeito,mas é uma característica de minha personalidade,que tenho que controlar,pra não me tornar,uma pessoa mesquinha.Todos devemos ter brio,mas acho desnecessário o exagero de ''amor próprio''.
Sempre haverá acontecimentos,que nos forçarão a passar por cima do orgulho e caberá a nós escolher a opção:de modo modesto ou árduo.
O sentimento amor,é grande demais pra ser usado de modo mesquinho.Se as pessoas fossem menos egoístas e orgulhosas,ou ao menos soubessem a hora de deixar de lado o orgulho,o mundo seria bem melhor.
"O amor-próprio, sempre senhor dos homens, corrompe os fortes pelo orgulho e os fracos pela vaidade." (Condessa de Ségur)
Amor:Sentimento;que induz alguém a desejar o bem a outrem;que leva as pessoas para o que lhes parece belo,digno ou grandioso;CARIDADE.
Que maravilha seria,se todos soubessem a real definição da palavra AMOR
Mas não existiria a paz, se não fosse a guerra,não é verdade?
Claire Mabelle.

7 comentários:

  1. Essa história de amor próprio é realmente complicada. Mas no meu ponto de vista ele significa gostar e cuidar muito de mim, para assim poder cuidar e gostar dos outros. Acho que não necessariamente ele seja um egoísmo, mas uma forma de auto-aceitação. Mas essa de criar uma armadura para não se ferir realmente não existe. Somos vulneráveis. E talvez esteja aí uma das sabedorias da vida, porque a fragilidade nos torna capazes de aprender e refazer caminhos.
    Um beijo linda!

    ResponderExcluir
  2. Mas não existiria a paz, se não fosse a guerra,não é verdade?

    É mesmo.
    Beijos meus querida amiga!

    ResponderExcluir
  3. Lindo, Mabelle.
    Tenho a caridade e o amor como sentimentos muito próximos e semelhantes entre si. Acredito que onde está a caridade também está o amor.

    Selinho para ti em meu blog, flor (:

    Beijinhos **

    ResponderExcluir
  4. Cada vez melhor :)

    ♥ te amo,

    bemmm perto :D

    ResponderExcluir
  5. não saberia definir esse tal amor próprio tão bem como você. intensidade, verdade e milhões de outras coisas que fizeram de suas palavras um texto muito bom.

    ResponderExcluir
  6. Obriga a todas pelo carinho e debate.Adooroo isso.Muito bom*--*

    Te amo amoor!!Du♥

    ResponderExcluir

Palavra chave:
-Verbalize,seu sentimento.
Solte o verbo.Exponha a palavra,que se tem na alma.
Volte,quando achar que deve voltar.
[Claire.]

Claire Mabelle.

Sentada em casa a tardinha,sinto o vento tocando nas folhas das árvores,ouço o canto dos pássaros,o barulho do mar,vejo borboletas felizes a voar.

Danni Carlos'

Eu moro num cenário

Do lado imaginário

Eu entro e saio sempre quando eu tô afim.